Aprender novas línguas torna-o mais inteligente?

Aprender novas línguas torna-o mais Inteligente?

O site de notícias VOA (Voice of America) publicou recentemente um artigo intitulado “Are people who speak more than one language smarter?” – Será que as pessoas que estão a aprender e que passam a falar outra língua são mais inteligentes?

De acordo com uma pesquisa publicada neste artigo do site Voice of America News, até meados dos anos 50 quem falava dois ou mas idiomas tinha notas razoavelmente baixas nos testes de inteligência. Já a partir dos anos 60, quem era bilíngue conseguia notas muito superiores do que quem era apenas monolingue (alguém que fala apenas um idioma).

Mais recentemente, através de testes chamados “sistema de controle executivo”, a pesquisadora Ellen Bialystok, da Universidade de Toronto no Canadá, conseguiu provar que pessoas que falam dois idiomas são de facto mais inteligentes que outras. Porém, essa inteligência é mais evidente em competências muito específicas. A pesquisa mostrou e revelou que quem fala mais do que uma língua tem uma capacidade de comunicação muito maior do que quem é simplesmente monolingue. Além deste facto, os indivíduos que revelam a capacidade de falar duas línguas conseguem distinguir melhor o significado de uma determinada palavra, chegando até a conseguir separar de forma mais ajustada e precisa os seus vários sentidos em diversos contextos (o que acontece muito na língua Inglesa, por exemplo).

O estudo em causa também provou que quem fala dois idiomas tem uma capacidade maior de controlar a sua atenção. Tal evidência acontece porque quando estamos a falar noutro idioma (por exemplo em inglês), temos que sobrepor uma língua sobre a outra. Este exercício mental exige um maior controle de atenção!

LISBON LANGUAGE CAFÉ
Clique AQUI para saber mais sobre as nossas aulas de Inglês