PORTUGUÊS E ESPANHOL – DIFERENÇAS E SEMELHANÇAS (2020)

INTRODUÇÃO

Muitas pessoas acreditam que o espanhol e o português são o mesmo idioma com um sotaque diferente. Será verdade? Naturalmente que não. Existem semelhanças, mas, na realidade, estamos a falar de duas línguas diferentes.

A língua portuguesa é semelhante à língua espanhola, é um facto. Mesmo quem não fala nenhuma destas línguas consegue perceber facilmente as similaridades entre os idiomas.

AMBAS AS LÍNGUAS EVOLUÍRAM DO LATIM

LATIM ORIGEM LÍNGUA PORTUGUESA LISBON LANGUAGE CAFÉ

As línguas podem ser divididas em famílias. Na Europa, as maiores famílias são as românicas, as germânicas e as línguas eslavas. O Português e o espanhol pertencem à família românica. Ambas partilham muitas semelhanças com as línguas francesa e Italiana.

Todas estas línguas têm a sua origem no latim e mantiveram as suas características essenciais: a ordem / sequência das palavras na frase e os géneros dos substantivos. Apesar das semelhanças entre as línguas românicas, o português e o espanhol são as mais similares.

Aqui ficam alguns exemplos: lua, água, beber, sol, lindo, desculpa são apenas alguns exemplos.

A conjugação dos verbos regulares segue a mesma lógica e são poucas as diferenças nas terminações dos verbos. Apesar de toda esta proximidade, por vezes a comunicação entre portugueses e espanhóis não é fácil. Porquê? A pronunciação é muito diferente e é um factor bastante explicativo das dificuldades comunicacionais.

COMPARAÇÃO ENTRE DOIS TEXTOS

Comparar um texto em espanhol e em português dá ao leitor uma boa percepção das diferenças. Aqui um exemplo:

Texto em Espanhol (jornal El País, 15 de Dezembro de 2019)

“El mundo peina canas y cumple años. Muchos años. El envejecimiento de la población es uno de los grandes cambios sociales y económicos que se está produciendo hoy a escala mundial.”

Tradução em português europeu

“O mundo penteia cabelos grisalhos e faz anos. Muitos anos. O envelhecimento da população é uma das grandes mudanças sociais e económicas que se está a produzir hoje à escala mundial.

OS SONS

O português europeu tem sons muito fechados e, muitas vezes, as sílabas não são perceptíveis. O Espanhol, ao invés, tem sons mais abertos e as sílabas são pronunciadas de forma mais clara e compreensível. No entanto, os espanhóis falam muito depressa o que também é um factor de perturbação na comunicação entre portugueses e espanhóis. 

As diferenças anteriormente citadas são verdadeiras entre o português de Portugal e o espanhol de Espanha. Mas não nos devemos esquecer que existem diferentes variantes de português (português de Portugal, do Brasil, de Moçambique, etc) e de espanhol (espanhol de Espanha, da Venezuela, da Colômbia, etc).

DIFERENÇAS GRAMATICAIS

GRAMÁTICA PORTUGUESA LISBON LANGUAGE CAFÉ

Na América do Sul, as diferenças entre o português e espanhol são mais pequenas. Por exemplo, a segunda pessoa do singular (tu), não é usado no português e no espanhol da América do Sul. É substituído pela terceira pessoa do singular: “você” em português e “usted” em espanhol. Estas duas soluções são opções formais no português europeu e no espanhol de Espanha.

Outro exemplo claro ocorre com a utilização da estrutura “estar a + infinitivo” vs “Gerúndio” – (“present continuous” em inglês: “I am drinking”).

Em espanhol (europeu e da América latina), é utilizado o gerúndio: “estoy comendo” – similar à solução inglesa.

Em Portugal, utiliza-se a estrutura “estar a + infinitivo” para descrever uma acção que está a acontecer no momento. Também pelo anterior exemplo, é correto dizer que o português brasileiro está mais perto do espanhol do que o português europeu.

Falar espanhol representa uma enorme vantagem para se poder aprender português e comunicar eficazmente. No entanto, pode também ser um obstáculo se o objectivo é falar português fluentemente e sem sotaque. Com efeito, muitos estudantes da língua portuguesa acabam a falar uma terceira língua e o processo de correcção destes estudantes não é (nada) fácil para os professores (e alunos). 

PORTUNHOL

PORTUNHOL LISBON LANGUAGE CAFÉ

No passado, os países ibéricos compartilhavam o mesmo idioma, mas com o tempo, essa linguagem mútua evoluiu para diferentes línguas. Apesar disso, não é difícil para um falante de português entender uma pessoa espanhola e vice-versa. No entanto, temos de dizer que, muitas vezes, os cidadãos espanhóis não conseguem entender os portugueses…

Existe uma língua famosa que é bem conhecida entre os ibéricos, chamada… “Portunhol”! É uma mistura entre estes dois idiomas. Costumamos usá-lo para nos compreendermos. Esta linguagem engraçada é um português com um sotaque espanhol.

A questão é: é eficaz? A resposta é: Sim! Geralmente funciona bem! Mas às vezes os falsos amigos podem representar um problema…

FALSOS AMIGOS

POLVO. Em Portugal esta palavra é o nome de um animal. No entanto, em Espanha, a palavra tem uma conotação sexual. Recomendação: caso queira utilizar esta palavra em Espanha tenha cuidado…

EMBARAÇADA / EMBARAZADA. Em português,”embaraçada” significa ter vergonha de alguma coisa. Mas em Espanha, “embarazada” significa estar grávida.

BORRACHA. Em Portugal, esta palavra representa um objecto que é utilizado para apagar um lápis. Mas em Espanha, esta palavra usa-se para descrever alguém que está bêbedo.

BORRACHA. In Portugal, this word means “eraser”. Yet, people in Spain use this word to refer to someone who is drunk.

É muito fácil para o povo ibérico aprender espanhol (para um português) ou português (para um espanhol). No entanto, falar o novo idioma sem um forte sotaque é muito… difícil!

CONCLUSÃO

Apesar de serem idiomas similares, os cidadãos espanhóis que querem aprender português como língua estrangeira, precisam de estudar e praticar muitíssimo (a mesma lógica aplica-se aos portugueses que querem aprender castelhano).

Clique AQUI para obter mais informações sobre as nossas aulas de Português.

error

Enjoy this blog? Please spread the word :)

Follow by Email6k
Facebook5k